quinta-feira, 29 de maio de 2008

quando a gente acha que sabe todas as respostas...

em dezembro fez três anos que terminei meu noivado. durante estes três anos eu lutei para não me apaixonar novamente, para não namorar ninguém, não me envolver...
um amigo meu vivia falando que eu estava solteira por opção. aí, eu respondi para ele: "olha, nesta altura da vida, eu não quero mais perder tempo. só quero namorar se for com uma pessoa muito bacana, que eu veja que realmente vale a pena..."
há uns meses atrás conheci ele. e lutei tb para não me envolver. foi indo, foi indo... fui gostando, fui sentindo que valia a pena, mas acho que eu ja sabia que não iria dar certo, pois somos totalmente diferentes.
ele teve que fazer sua escolha. e já fez. e eu respeito.
não é facil namorar uma pessoa que faz doutorado em estatística na usp, é bolsista, vive para estudar. não é facil namorar uma pessoa que vc sabe que ano que vem vai passar mais de 6 meses nos EUA, preparando a tese de doutorado. não é facil namorar uma pessoa que troca o dia pela noite. não é facil namorar uma pessoa que não pensa em casar, em ter filhos. não é facil namorar uma pessoa que só estuda, só pensa nisso, não faz mais nada da vida, e acha que não dá para conciliar o doutorado com o namoro.
exatamente hj seria nosso aniversário de namoro de alguns meses. e exatamente hj ficamos até as duas da manhã no msn tendo um papo nem tão agradável...
(desculpe o desabafo. amanhã volto com a nossa programação normal e não voltarei a falar sobre este assunto).

3 comentários:

Vida em Palavras disse...

Oi Renata, estava aqui lendo seu desabafo e pensando : Também ja terminei um noivado e sofri muito, depois fiquei querendo ser mais durona , mas nosso coraçao é independente da mente e se apaixona... eu graças a Deus depois de um sofrimento encontrei o homem certo que hj é meu marido, mas uma coisa lhe digo : Agradeça a Deus pelas pessoas que passaram porque a que ele lhe reserva vai lhe surpreender. bjs!!!!!!!!

Gigi disse...

Olha Flor...
Não tenho muito a dizer sobre o que aconteceu, afinal, escolhas são escolhas... E acho que você sabe muito bem o que não quer, e isso é bom. Nem sempre sabemos.
Mas pedir desculpas... O blog é seu sabe? Afinal, é para isso que serve um blog.
Fica bem, se for possível...
Beijo, amiga.

JANPITER disse...

Sei que terminou. Lamento.